Rabiscos da F: Março 2014

quinta-feira, 13 de março de 2014

Biscoitos de Manteiga

Olá cozinheiros!

Venho hoje com uma delícia de bolachas, inspiradas nas bolachas que a RM levou para o chá de amigos. Estava com tantos desejos de voltar a comer umas belas bolachinhas de manteiga e vai dai, pus as mãos na massa.

A receita é bastante simples e não tem nada que saber. Então cá vai!
 
Ingredientes (para 65 bolachas):

200g de açúcar
200g de margarina
3 ovos
raspa de meio limão
550g de farinha

Preparação:
Juntar a margarina amolecida, os ovos e o açúcar e mexer bem até formar uma massa homogénea. Adicionar a raspa de limão e misturar. De uma só vez, juntar a farinha e com a ajuda de uma colher de pau envolver bem, até formar uma massa bem espessa. Com as mãos separar pequenas bolinhas de massa e distribuir num tabuleiro, deixando entre elas cerca de 3cm. Calcar ligeiramente com ajuda de um garfo para obter discos com 1cm de altura. Levar ao forno pré-aquecido a 200ºC durante cerca de 30 minutos ou até as bolachas ganharem um tom dourado. Retirar do forno e deixar arrefecer bem, antes de guardar.

Dicas:
Ao acabar de mexer a massa, esta não necessita de se descolar das paredes do recipiente, tem apenas de se ter atenção quando se estiverem a fazer as pequenas bolas para não colarem nas mãos. O ideal é mesmo ter as mãos bem secas e passar por farinha (batendo depois palmas para retirar o excesso).
Passar o garfo por farinha ou óleo para não colar
As quantidades que utilizei permitiram-me fazer 65 bolachas com peso entre 12g e 14g, claro que isso depende de cada um.

Bom apetite.





quarta-feira, 12 de março de 2014

Quiche de Frango

Olá cozinheiros,

Receita simples mas deliciosa para variar a marmita do almoço!

Ingredientes:
1 base de massa quebrada
6 ovos
200 mL de leite
200g de cogumelos laminados
1 peito de frango médio
150g de queijo mozzarella ralado
Salsa a gosto
Pimenta q.b
Sal q.b

Preparação:
Estender a massa quebrada numa tarteira cortando-se as sobras. Com ajuda de um garfo picar ligeiramente o fundo da massa para não levantar. Colocar no forno pré-aquecido a 200ºC e deixar cozinhar por 15 minutos ou até a massa ficar ligeiramente dourada.
Numa panela com água a ferver, temperar a água com um pouco de sal e pimenta e colocar o peito de frango a cozer. Retirar e deixar arrefecer. Assim que esteja frio, desfiar o peito de frango e espalhar sobre a base da quiche. Juntar os cogumelos e a salsa e regar com a mistura de leite e ovos. Cobrir com uma boa camada de queijo mozzarella ralado e levar ao forno por 45 minutos. Antes de cortar, deixar arrefecer um pouco.

Dicas:
A quiche é a tarte salgada mais simples e versátil que conheço. Pode-se colocar tudo numa. Desde carne a legumes.
Pessoalmente a que mais gosto é a que chamo de Havaiana. Coloco fiambre e queijo aos cubos, cogumelos e ananás em vez do frango e salsa.
Se os cogumelos forem frescos deve-se saltear antes para perderem o excesso de água e impedir que a libertem depois, durante a cozedura da quiche.

Bom Apetite!






quarta-feira, 5 de março de 2014

Tortelonnis e Couves-de-Bruxelas

Olá cozinheiros!

Hoje venho novamente com aquilo que fiz para o meu jantar. Outra vez com história.

Não tenho vergonha de o dizer, apesar de ser católica cristã, há coisas que me passam verdadeiramente ao lado e o facto de hoje ser o primeiro dia da quaresma é uma delas. Fiquei a saber disso e dai veio o "o que é que vou fazer sem carne?"

E cá está o resultado. Uns belos tortelonnis com couves de bruxelas e molho bechamel.

Vamos lá à receita então.

Ingredientes:

5 couves-de-bruxelas
1/2 cebola
1 colher de sobremesa de margarina
2 colheres de sobremesa de farinha
100 mL de leite

Sal q.b.
Pimenta q.b
Azeite
Tortelonnis frescos



Preparação:

Levar ao lume um tacho com água e sal. Assim que comece a ferver juntam-se as couves-de-bruxelas e deixam-se cozer. Reservar.
Noutro tacho colocar margarina e a cebola picada, deixando alourar. Junta-se a farinha mexendo muito bem para não pegar e adicionando o leite aos poucos.Temperar com sal e pimenta. Deixa-se cozinhar, mexendo sempre para não colar ao fundo, até engrossar. Juntam-se as couves e reserva-se (receita inspirada no blog "Colher de Pau e Salto Alto")
Noutro tacho de água colocar azeite e sal. Deixar ferver e juntar os tortelonnis. Deixar cozinhar por 3 minutos. Escorrer bem e servir acompanhado com as couves-de-bruxelas

Dicas:
Esta receita de couves-de-bruxelas pode servir de acompanhamento a tudo e, tal como está em "Couves-de-bruxelas com natas" , podem ser servidos com natas e bacon. É uma receita sem dúvida inspiradora.
Pode-se acompanhar a massa com pão de alho. É uma opção bastante viável e saborosa.